Uma das queixas mais comuns da maioria das mães, é em relação a dificuldade da criança para dormir. Com a dificuldade de o bebê pegar no sono, é agoniante para a mãe enfrentar essas dificuldades e não saber como agir da melhor maneira. Se seu bebê não dorme e você não sabe muito bem o que fazer, vale a pena acompanhar nosso conteúdo.

Em muitos casos, esses desconfortos acabam prejudicando até mesmo as relações familiares, como discussões entre casais, devido ao choro excessivo do bebê na hora de dormir, mudança de quarto por parte do marido, pelo fato do bebê chorar muito durante a noite, entre outras coisas.

Nesse artigo, falaremos um pouco sobre o sono do bebê, os principais problemas e o por que o seu bebê não dorme, mesmo aparentando estar com sono. Fique conosco e aprenda bastante de um tema bastante importante para todas as mães.

As fases do sono do bebê

Para entender melhor do assunto, é necessário saber que o sono do bebê possui dois ciclos. Acima de tudo, é importante respeitar e saber interpretar esses momentos, principalmente em casos em que o bebê não dorme, pois, atitudes precipitadas ou erradas, podem prejudicar a saúde do pequeno.

Essas fases podem ser chamadas de sono profundo e sono ligeiro. Em relação a fase do sono ligeiro, é bastante fácil de ser percebido. Nesse período de tempo, o bebê ainda não está dormindo de maneira profunda, ficando fácil perceber através de sua respiração irregular, por momentos acelerada e por momentos lenta, mãos fechadas, reativo a quase qualquer som ou movimento, entre outros aspectos.

Já em relação ao sono profundo, o bebê está bem mais tranquilo, sua respiração é regular e seu sono é mais profundo. É comum você observar seu bebê muito relaxado quando está nessa fase do sono, sendo mais difícil do mesmo acordar. É importante respeitar o sono da criança e evitar ao máximo acordá-la nesse período, trazendo bastante incômodos para a criança.

Por isso, compreender as fases do sono do bebê é importante, para evitar estresse para a criança e compreender as etapas de sono de seu pequeno. Acima de tudo, mantenha o ambiente em que a criança durma bastante tranquilo, melhorando sua qualidade no sono.

Cansaço excessivo

O cansaço excessivo é um dos pilares nos erros que diversas mães cometem, relacionados aos problemas dos filhos ao dormir. Por muitas vezes, as mães acabam forçando o bebê a ficar acordado durante todo o dia, imaginando que isso, fará o beber dormir de maneira mais fácil a noite, porém, isso pode ser um dos motivos pelo qual seu bebê não dorme bem.

Essa metodologia não deve ser seguida e prejudica a qualidade do sono da criança, podendo trazer diversos problemas. Aliás, um bebê quando tem vontade de cochilar durante o dia, deve ter apoio e respeito por esse momento particular dele, que é algo bem comum. Entretanto, forçar ele ficar acordado, causando um estresse, cansaço e exaustão para a criança, pode prejudicar bastante na hora de dormir durante a noite.

Sendo assim, deve-se compreender que, quanto mais cansado seu bebê fica, muitas vezes por proibição da mãe por não dormir durante o dia, mais dificuldade para dormir a noite ele vai ter. Quanto mais canseira seu bebê tem, mais complicado fica para ele conseguir relaxar e adormecer de maneira tranquila. Isso acontece por conta da liberação dos hormônios do estresse, como o cortisol e a adrenalina.

Segurança e conforto para o bebê

Um pilar bastante importante para trazer um sono de qualidade para o seu filho, é demonstrar segurança e conforto para o mesmo no local de dormir, por exemplo. Portanto, foque em processos graduais e transmita o máximo possível de tranquilidade para a criança.

É bastante difícil para os bebês esse momento de separação, nas horas antes de dormir. O choro pode vir por motivos de medo, solidão, entre outras coisas. Procure sempre estar ao lado de seu filho antes dele adormecer, fale baixinho, faça carinho e aja naturalmente.

Além disso, seu berço deve ser arrumado da melhor maneira possível, sendo bem confortável e favorecendo uma boa postura da criança durante uma noite de sono.

Atenção, evite introduzir atividades que viciem a criança e sirvam de válvula de sono, para a mesma. Sobretudo, quando o bebê não dorme facilmente, ouvimos diversos comentários de que alguns bebês só conseguem dormir mamando. Entretanto, isso ocorre devido a relação que a criança criou com a atividade, sendo necessário mamar para dormir.

Isso é prejudicial para a criança e também para a mãe, trazendo desconforto e estresse para um momento tão importante no dia da criança, que é o sono.

Estabeleça rotinas se seu bebê não dorme naturalmente

Um dos conselhos mais válidos nesse tipo de ocasião, na qual o bebê não dorme ou tem dificuldades para dormir, é avaliar sua rotina diária, para melhorar sua rotina noturna. Em suma, controlar as sonecas, realizar atividades com seu filho, ocupar seu tempo da melhor maneira, vai ajudar muito em todo o processo.

Hábitos saudáveis conseguem trazer grandes evoluções nesses problemas de sono com bebê, no qual podem ter diversos motivos. Portanto, essas rotinas, costumam trazer melhorias para o corpo da criança e aumentam as chances de uma boa noite de sono.

Foque em traçar cronogramas e estabelecer horários para o sono, fazendo o bebê se acostumar com o tempo. Mas é claro, sem forçar nada para não prejudicar a criança.

Se a sua rotina é de dormir por volta das 23 horas, às 21 horas comece a diminuir a luminosidade e os sons do ambiente. Então, se for o caso, procure amamentar por volta das 22 horas e permaneça com o seu bebê próximo.

bebê não dorme

Quando for a hora de dormir, coloque ele no berço e fique por perto até que ele adormeça, trazendo segurança e conforto para o mesmo.

Fique atento ao choro do seu filho

Por fim, após algumas importantes dicas para melhorar o sono de seu filho, deixamos o alerta a respeito do seu possível choro excessivo. Foque bastante em aprender com sua criança, entenda seus momentos e saiba interpretar suas atitudes.

Devemos avaliar as crises de choro do seu bebê, independente do horário, pois o problema pode ser grave. Nesse aspecto, devemos sempre procurar profissionais capacitados e que vão poder te ajudar da melhor maneira possível.

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x