bebê-só-dorme-no-colo

O colo é uma das melhores coisas do mundo, e há que se aproveitar enquanto nossos pequenos ainda cabem nele, pois depois eles crescem e bate uma saudade… Mas seu filho só consegue dormir no colo e isto está impedindo vocês dois de terem um sono mais contínuo e duradouro? Continue lendo este texto e saiba o que fazer para ajudá-lo a ter mais autonomia para dormir. 

O colo e as associações de sono 

Muitas vezes o colo acaba se tornando uma grande associação de sono, ou seja, um elemento do qual a criança passa a depender para iniciar o sono e para voltar a dormir nos despertares noturnos.

Quando ensinamos a criança a adormecer sozinha, sem depender do colo ou de outra pessoa, ela desenvolve suas próprias associações de sono (passar a mão no lençol, deitar em determinada posição, fazer carinho na cabeça, entre outros) e consegue sozinha recorrer à esta associação tanto no início da noite quanto em seus despertares noturnos e assim, voltar a dormir mais facilmente.

Todos temos associações de sono e o ideal é, pouco a pouco, na medida em que nossos pequenos crescem e vão amadurecendo, ensiná-los a dormir de forma que eles não dependam de outra pessoa para conseguirem adormecer. Dessa maneira, eles conseguem sozinhos recorrer às suas próprias associações de sono em seus despertares noturnos e assim, voltam a dormir mais facilmente. Uma naninha ou um bonequinho são exemplos de associações de sono que devem ser encorajadas pelos pais, de acordo com suas preferências e com a idade da criança, porém mesmo que a criança não adote um objeto de transição como esses, ela consegue desenvolver sua própria associação de sono.

As associações de sono ditas “negativas” são assim popularmente chamadas por poderem criar uma situação de dependência: em seu próximo despertar, a criança deseja retornar àquela situação para conseguir voltar a dormir (colo, dormir mamando, a chupeta, mexer no cabelo da mãe etc.). Torna-se uma situação muito desgastante tanto para os pais quanto para a própria criança, que tem seu sono extremamente picado durante a noite.

Alimente, acalme e coloque seu filho na cama para que ele durma sem associações de sono que dependam de outra pessoa. Assim, quando ele acordar durante a noite, saberá o que fazer e não precisará de ajuda para voltar a dormir.

Descubra a seguir como fazer seu bebê parar de dormir no colo e começar a dormir sozinho no berço. 

Autonomia para adormecer 

Te disseram para colocar seu filho acordado no berço pra que ele aprendesse a dormir sozinho, mas ele parece não entender que precisa dormir quando você o coloca deitado ali e chora, querendo voltar pro colo?

Pois é, muitos pais ficam aflitos com essa história de que a criança tem que parar de dormir no colo e que deve aprender a dormir sozinha, então vamos falar sobre isto. Afinal, por que é tão importante aprender a adormecer sozinho? 

Nosso sono é composto por ciclos e, ao final de cada um deles, passamos por um breve despertar, antes de iniciarmos um novo ciclo. Se nesta passagem entre os ciclos de sono a criança percebe que algo mudou, como por exemplo, estava dormindo no colo e agora está no berço, ela pode se assustar e precisar retomar aquela situação para conseguir voltar a dormir. Tratam-se de associações das quais a criança precisa para relaxar e conseguir dormir, ou seja, elementos dos quais ela passa a depender para iniciar o sono e para voltar a dormir nos despertares noturnos. 

Encoraje seu filho a adormecer de forma independente, ficando ao lado dele e o acalmando quando necessário. Mostre que você está ali, que não há motivos para se desesperar, que você acredita que ele consegue adormecer sozinho, mas não o faça dormir. Vale ressaltar que acalmar e fazer dormir são coisas bem distintas. 

É normal que as crianças brinquem, cantem, balbuciem, conversem, se mexam muito até adormecerem sozinhas, e tá tudo bem, é assim mesmo! Essa é a forma delas se acalmarem e se colocarem pra dormir; se seu filho não estiver chorando, não interfira! 

Antes de dar autonomia para o seu bebê adormecer sozinho é preciso verificar se a rotina dele está ajustada conforme suas necessidades fisiológicas, para que ele realmente esteja pronto, sem cansaço acumulado, apto a ter sua forma de adormecer alterada. Muitos pais erram neste processo, pois não conhecem todas as etapas necessárias para se ajustar o sono dos filhos, e acreditam que aplicar algum método que ensine a criança a ter mais autonomia na hora de dormir é o elemento que irá resolver o problema, o que na verdade pode até mesmo agravar a situação! 

Se infelizmente a criança já tiver associações de sono como dormir só no colo, mamar para dormir, um adulto recolocando a chupeta na boca dela diversas vezes durante a noite etc., trabalhe de forma gradual a retirada de cada uma dessas associações e, na sequência, procure conduzir o processo de reeducação de sono para daí sim, nesta etapa, ajudar seu pequeno a ter mais autonomia na hora de dormir, o que o ajudará a conseguir emendar os ciclos de sono mais facilmente durante a noite. Com métodos gentis, consistência e paciência, em algumas semanas seu bebê estará dormindo bem melhor e o sono poderá cumprir seu papel no desenvolvimento físico, psicológico e motor.

Não sabe por onde começar para mudar tudo isso? Em nosso curso online você aprenderá todos os passos de forma detalhada para conquistar suas noites de sono de volta! Visite o nosso site clicando aqui e saiba mais. Já ajudamos mais de 7000 famílias a reconquistarem suas noites de sono! Não é à toa que somos o curso de sono infantil com mais depoimentos de sucesso no Instagram!

Jéssica e Luciana, Ensinando a Sonhar

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

avatar
500
  Inscrever-se  
Notificar de